Sugestões para oferecer ou para ler...


quarta-feira, 18 de agosto de 2010

... O que fazer?

... O que fazer quando se sabe que uma pessoa de quem gostamos muito está a ser assolada por uma doença terrível chamada cancro?
... O que fazer quando essa pessoa ainda nem tem consciência do grave problema que tem?
... O que fazer quando se sabe que esta luta contra a doença é, à partida, uma batalha perdida?
... O que fazer quando sentimos que nos faltam as forças para animar e encorajar a pessoa que está doente?

38 comentários:

  1. Sinceramente nem sei o que dizer a não ser ... FORÇA!
    Beijoca grande

    ResponderEliminar
  2. Coragem... para ti e para essa pessoa.
    Muita coragem.

    ResponderEliminar
  3. olha.... eu já passei por essa situação com a namorada do meu irmão, com o meu PAI e com a minha MÃE. Todos faleceram já, mas digo-te que as forças aparecem em nós e nem sequer sabemos de onde Vêm......mais, NUNCA È UMA BATALHA PERDIDA............a esperança e a força acompanha-nos até ao último momento.
    CADA CASO É UM CASO.
    Muita força e coragemmm.Tu consegues
    Mil beijinhos amigos

    ResponderEliminar
  4. Linda, enviei-te um e-mail.
    Beijinhos,
    Madalena

    ResponderEliminar
  5. A unica coisa a fazer é rezar para que tudo corra bem e ter muita esperança :)
    boa sorte bj

    ResponderEliminar
  6. Temos que ter força querida...
    À minha prima de 7 anos foi-lhe diagnosticado esta semana um cancro por cima de um rim... tem 7 cm de diâmetro... já começou a quimioterapia, de 8 em 8 dias, e depois radioterapia... Não há mais nada que possamos fazer senão ter força, transmitir-lhes força...
    Boa sorte querida, que tudo corra pelo melhor, dentro do que é possível!

    ResponderEliminar
  7. ò amiga,um beijo muito grande paar ti muito grande mesmo amiga,jinhos adoro-te

    ResponderEliminar
  8. Nem sei o que lhe responder porque, felizmente, nunca passei pela experiência de ter alguém próximo com uma doença grave ( espero que continue sempre assim).

    Contudo, penso que devemos ter muita coragem e muita força para podermos transmitir tudo de bom a essa pessoa e fazer com que os seus dias sejam felizes e com qualidade de vida na medida do possível.

    Do fundo do coração, desejo as melhoras a essa pessoa e pelo que leio sempre no blog, a Risonha é de certeza uma pessoa cheia de força e de fé.

    Um beijo cheio de carinho da Carla

    ResponderEliminar
  9. Força!
    A PALAVRA QUE DEVE TER SEMPRE DENTRO DE SI, acreditar
    ACREDITAR, MESMO! Do fundo do seu coração, acredite.
    os milagres existem!

    ResponderEliminar
  10. O que fazer quando se sabe que uma pessoa de quem gostamos muito está a ser assolada por uma doença terrível chamada cancro?
    ... O que fazer quando essa pessoa ainda nem tem consciência do grave problema que tem?
    ... O que fazer quando se sabe que esta luta contra a doença é, à partida, uma batalha perdida?
    ... O que fazer quando sentimos que nos faltam as forças para animar e encorajar a pessoa que está doente? Eu respondo só por mim tive que ter uma grande luta e nunca mas nunca baixar as armas...vivendo um dia de cada vez e sempre com força coragem para nós e para dar aos outros que estão do nosso lado e á partida muitas vezes ganhamos a batalha...um beijinho para ti e espero que tenhas muita coragem para dar a essa pessoa.

    ResponderEliminar
  11. Por experiência própria digo-te o que fiz:
    Aproveitei cada segundo, cada milésimo de segundo...
    Disse tudo o que me ia na alma quanto o amava...
    Dei beijinhos (muitos), abracei com força...
    Chorei muito...(sempre que possivel longe)...

    Tentei encontrar uma maneira de perceber porque seria melhor assim...Sempre pensando que pelo menos "lá no céu" não sofrem...riem...e são felizes...
    Não procurei o porquê, porque sabia nunca encontra-lo...e era um desperdicio de tempo para aqueles dias que já eram tão poucos...

    Aproveitei mesmo todo o tempo que pude...Não sei com que força...com que cabeça...com que coração...com que alma...mas sei que fiz como te disse em cima...

    Não chegou, não compensou,não acalmou...mas aproveitei o que sabia que ia perder dentro de dias...

    Assim vi o meu filho partir...


    Muita força amiga pra ti e para os teus... Aproveitem...dêm mtos beijinhos e mtos abraços...
    Força e coragem...
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  12. Amiga é algo que me assusta muito. Não há palavras que te possa deixar, porque não há palavras que possam consolar tal dor.
    Apenas te peço que tenhas força, e se precisares de um ombro amigo, mesmo que virtual, eu estou aqui: soniatiago3@gmail.com

    Beijo grande e tudo de bom.

    ResponderEliminar
  13. Agarra-te à VIDA, ao Amor que encontras no fundo do teu coração.
    Encontrarás de certeza uma resposta às tuas preces.
    Vive intensamente cada minuto, que é precioso, tenta dar alegria, amor e tudo o que puderes a essa pessoa que está doente. Quando não há nada a fazer, resta-nos viver melhor o tempo que temos, pois poderás sempre recordar todos esses bons momentos quando o presente de hoje passar a memória e preza-a para que ela seja bela. Não o desperdices a chorar, guarda as lágrimas para depois. Agora vive e dá a vida
    Beijinho e força, muita força.

    ResponderEliminar
  14. Amiga, estas são questões, para as quais não há "receitas". O importante é dar muito amor, é ter muita dedicação, muita paciência, muita compreensão...há momentos muito difíceis... mas cada dia é um dia...
    Um grande abraço

    ResponderEliminar
  15. É muito complicado, essa doença é mesmo terrivél e acredita que essa pessoa consegue ir buscar todas as forças do mundo para tentar ultrupassar td isso, já vi pessoas que teem essa doença e teem uma força enorme,espero que tudo corra bem.

    ***

    ResponderEliminar
  16. Olá, já visito o seu blog à algum tempo, mas hoje chamou-me a atenção por um motivo "especial".
    Infelizmente posso partilhar a sua dor, já perdi 2 pessoas muito queridas com esse problema, e o que fazer? Um conselho dê a essa pessoa o máximo de si, faça-lhe tudo o que puder e preencha os seus dias de amor de alegria de felicidade e de conforto, não dê nem um minuto por perdido, porque se Deus quiser essa pessoa irá recuperar, se isso não acontecer vai ter sempre bons momentos para recordar e depois fica apenas a saudade mas a certeza de que se deu tudo por tudo para tornar os dias dela mais felizes.
    E quando quiser partilhar alguma coisa, o meu e-mail:
    marisacastro83@hotmail.com

    Beijinho e muita mas muita coragem, e que Deus lhe dê muita alegria para partilhar com essa pessoa!

    ResponderEliminar
  17. Lutar e nunca pensar que a batalha está perdida, é o passo mais certo. Dar-lhe força e proporcionar-lhe bons momentos é o melhor que se pode fazer.
    Infelizmente é a doença da "moda" mas muitos casos têm tratamento, ainda que muito doloroso...

    Um beijinho para ti Amiga e outro para quem está doente*

    ResponderEliminar
  18. a minha mãe está com cancro da mama. já fez mastectomia, já começou a quimio. não sabemos se já se espalhou, não sabemos se vai correr bem. o que se faz?
    ...

    respira-se fundo várias vezes, põe-se um sorriso na cara e dá-se qualidade de vida, carinho, alegria, cuidados e aproveita-se o tempo. hoje, a minha mãe está cá, a tua pessoa amiga também, por isso é hoje que temos para fazer a diferença. para que valha a pena, para dar tudo o que temos.

    e quando chega a impotência e a vontade de chorar, respiras fundo, fechas-te no quarto, choras tudo, lavas a cara, respiras fundo e voltas a colocar o sorriso.

    um abraço apertado, as melhoras para a pessoa em questão...

    ResponderEliminar
  19. Amiga força!
    Uma mulher religiosa como você não pode perder a fé nem a esperança de melhores dias!
    Conselho: Mude a música do blogue que é um bocado depressiva e só ajuda a lhe pôr mais "down".

    Um abraço
    João

    ResponderEliminar
  20. Não ir abaixo, nem tudo o que ouvimos é verdade, nem tudo é mau, geralmente só se ouvem falar dos casos que correm mal, e os outros???
    Existem muitos casos de cancro em que as pessoas se curam.
    Não desanimes, sei que falar é fácil, mas pode ser que haja uma estrelinha lá no seu a olhar por essa pessoas.

    Muitos Beijinho e Força
    Papinha Doce

    ResponderEliminar
  21. Nem sei bem o que te dizer, mas acima de tudo tu não podes perder as forças, é muito importante essa pessoa sentir que tem alguém que a anima, que está com ela, para os momentos terriveis que vêm ai.
    Olha o António Feio, é um exemplo a seguir, se poderes vê a lição de vida que ele nos deu.

    Força nestas horas dificeis.

    Bjs

    ResponderEliminar
  22. A única coisa que eu faria, se me chamasse Risonha, era estar ao lado, presente e oferecer o meu sorriso.
    Beijo

    ResponderEliminar
  23. O que fazer...
    Fazer com que os dias dessa pessoa sejam tão felizes quanto possível e não te preocupes que vais encontrar força onde não sabes que ela existia.
    O mais importante é nunca desistir, ter coragem para enfrentar e aceitar a doença sem nunca cruzar os braços.
    Um beijo e muita força!
    Moira

    ResponderEliminar
  24. Amiga, não sei o que te dizer para te aliviar, infelizmente, essa doença está cada vez mais presente e cada vez faz mais estragos.
    se essa pessoa, tua amiga não está consciente do que a espera, certamente será por medo, quando for confrontada com tratamentos, consultas, medicação, aí sim.

    tu enquanto amiga deves apoiar e tal que te conheço isso sei que ela tem a pessoa certa ao lado.

    bjka e coragem

    ResponderEliminar
  25. Nestas horas as palavras parecem sempre vazias.

    Desejo-vos muita coragem e recebam um abraço muito apertado de amizade e conforto.
    Beijos

    ResponderEliminar
  26. Força amiga, força

    um beijinho enorme

    ResponderEliminar
  27. sem palavras..nem sei o que dizer a não ser:força e coragem!!!!..e muita fé em Deus..e..que tenhas coragem para lutar junto com a pessoa amada..meu carinho..li

    ResponderEliminar
  28. Olá gostava de ter uma palavra bonita para te dizer mas, não tenho...
    Aliás eu própria gostava de ter resposta a essas perguntas pois tenho uma pessoa amiga nessa situação...
    Deixo te um beijo de muita força e coragem.

    ResponderEliminar
  29. Sabe bem receber colinho, hein!
    Não se habitua senão o blogue vem abaixo.
    Pra quando um xoque frite, uns carapaus alimados, umas papinhas de milho. Vamos lá quero ver este blogue a mexer , porque é bom sinal.

    Um abraço que seja forte
    joão

    ResponderEliminar
  30. linda nao tenho palavras sao momentos complicados. ja vi tios partirem, uma prima curada, uma tia em luta neste momento... a mae do emu namorado recuperada a ja 14 anos..

    tem fe , nunca desitam de lutar, nao peracs a esperança
    e como ja disseram um dia de cada vez aproiveitem ao maximo
    beijinhos grandes

    ResponderEliminar
  31. Só se pode dar todo o nosso apoio e amor. Conheço pessoas que já sofreram desse mal, algumas superaram, outras... infelizmente não. Mas se todos formos solidários, pelo menos, custa menos a suportar.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  32. Aproveita todos os momentos que possas ter com essa pessoa,ri te com ela,brinca,e tenta sempre ter muita força,porque nao é facil,bjs

    ResponderEliminar
  33. Passei por algo parecido há uns meses, e não correu da melhor forma... É bem complicado, e bem sei k não há palavras...
    Força
    beijinhos

    ResponderEliminar
  34. Um beijo muito grande minha doce risonha,estou aqui se precisares,muita força e um xiiicoração enorme

    ResponderEliminar
  35. Nunca devemos deixar para amanhã aquilo que podemos fazer hoje...
    Viver cada dia como se fosse uma pequena vida....
    Mas sobretudo dar um abraço...
    E no silêncio de um abraço, o tempo pára....
    Um beijinho e coragem.... nunca deixes de acreditar...

    ResponderEliminar
  36. beijinho muito grande amiga,força um abraço bem apertadinho querida

    ResponderEliminar
  37. Continua a visitar o meu blog e diz o que pensas das novidades. beijinho

    ResponderEliminar
  38. Cruzei com esse fulaninho chamado cancro há 2 anos e agora estou em remissão depois de ter feito quimio e radio. Mas agora estou bem e mesmo não sabendo o dia de amanhã não te esqueças que há tantos casos de sucesso de que não se fala porque a tragédia é sempre mais apelativa. Não vou dizer que possa correr bem, como ainda não sei como vai correr para mim mas veremos. Devemos esquecer um pouco o amanhã porque esse é uma incógnita e ver o que podemos fazer hoje. E hoje podes apoiar essa pessoa nem que seja estando ao lado dela sem dizer nada. Beijo

    ResponderEliminar

Comentem e deixem a vossa opinião. Beijinhos da amiga Risonha, daqui de onde a terra acaba e o mar começa....