Sugestões para oferecer ou para ler...


sexta-feira, 10 de Fevereiro de 2012

"QUALQUER COISA DE BOM"

Se me pedissem para descrever esta obra apenas com uma palavra diria: doce... É uma leitura tão agradável que, quando damos por nós, já devoramos o livro todo.
Escrita fácil e fluída, fazendo um paralelismo entre o presente e o passado, para que se possa compreender todo o desenrolar da história e as decisões das suas personagens.
Uma vez mais esta excelente autora não desilude os seus leitores...
A leitura do testamento de Alessandra Pluda Cavalli vai provocar um tremendo choque ao seu marido, Franco, e aos seus três filhos. A parte mais substancial do seu património tem um único herdeiro: Ludovica Magnasco, porteira do prédio em que vive a família Cavalli.
Ludovica, a quem todos chamam Lula, sente-se igualmente perturbada por este legado, cujo significado não consegue alcançar. Lula, que tem tido a sua conta de adversidades, é amada e respeitada por todos os moradores do prédio graças à sua inteligência e bom carácter. Mas tal não é suficiente para explicar o que terá levado Alessandra a deixar-lhe aquela fortuna.
Certamente que não foram as pequenas delicadezas com que por vezes Lula a agraciava, nem tão-pouco as confidências que trocavam. A explicação, que tem as suas raízes num segredo de família desde sempre guardado com zelo, afecta-a e perturba-a, mas não altera as suas convicções: o dinheiro só nos ajuda a viver melhor se o usarmos também para nos tornarmos úteis ao próximo.
A indicar-lhe o caminho certo está agora o acaso, que cruza o seu destino com o do fascinante Guido Montini, um reputado veterinário dedicado a acções de voluntariado. Juntos formam um casal magnífico e têm a possibilidade de fazer algo de verdadeiramente bom...
Notas sobre a autora:
Sveva Casati Modignani é um dos nomes mais populares da ficção italiana. Em Portugal já foram publicados, com enorme sucesso, os seus romances Baunilha e Chocolate, A Viela da Duquesa, Desesperadamente Giulia, 6 de Abril '96, A Siciliana e Mister Gregory.
Quem quiser consultar o site da autora pode fazê-lo em www.sveva.ws.