Sugestões para oferecer ou para ler...


quarta-feira, 14 de outubro de 2020

SALMÃO SELVAGEM COM RISOTTO DE ERVILHAS

Há receitas que nos conquistam pela simplicidade dos ingredientes e esta é uma delas. Umas simples postas de salmão, arroz, ervilhas e pouco mais tornam-se num prato sofisticado para qualquer ocasião. A receita vinha numa revista da cadeia de hipermercados Pingo Doce e com a ajuda preciosa da Bimby é tão fácil de preparar que ninguém tem desculpa para não experimentar...
6 tranches da salmão selvagem congelado
2 colheres de sobremesa de massa de alho
1/2 laranja
1 colher de chá + 1 colher de sopa de sal
pimenta moída q.b.
250gr de ervilhas congeladas
1 cebola
2 dentes de alho
80gr de alho francês
40gr de azeite
hortelã q.b.
250gr de arroz para risotto
130gr de vinho branco
750gr de água
50gr de queijo parmesão
 
Descongele o salmão selvagem, barre-o com a pasta de alho, regue-o com o sumo de laranja, tempere com uma colher de chá de sal e com pimenta e deixe marinar pelo menos 1 hora, virando a meio do tempo.
Ponha as ervilhas a descongelar.
Deite a cebola, os dentes de alho e o alho francês em pedaços no copo da Bimby e triture 5 segundos, velocidade 5.
Raspe as paredes do copo com a espátula, junte o azeite e uma mão cheia de folhas de hortelã (reserve algumas) e programe 5 minutos, 100º velocidade 2, sem o copo medida.
Adicione as ervilhas e programe 5 minutos, 120º, velocidade 1 inversa, sem o copo medida.
Coloque o copo medida e triiture 5 segundos, na velocidade 3. Adicione o arroz, mexa com a espátula e programe 3 minutos, 100º, velocidade 1 inversa, sem o copo medida.
Junte o vinho através do orifício da tampa e programe mais 3 minutos, 100º, velocidade 1 inversa, sem o copo medida.
Introduza a água e uma colher de sopa de sal, encaixe a Varoma com o salmão bem escorrido e colocado no tabuleiro e cozinhe 20 minutos, 100º, velocidade 1 inversa.
Mude o risotto para o recipiente de servir e salpique-o com a pimenta e o parmesão ralado em lascas.
Sirva com as tranches de salmão salpicadas com a hortelã reservada.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Comentem e deixem a vossa opinião. Beijinhos da amiga Risonha, daqui de onde a terra acaba e o mar começa....