Sugestões para oferecer ou para ler...


sexta-feira, 18 de Janeiro de 2013

"POR TI RESISTIREI"

Nunca tinha lido nada de Júlio Magalhães (shame on me), mas gostei bastante do que li. Este livro tem uma escrita leve e muito fácil de ler, capítulos pequeninos, boa transição entre uma passagem e outra da história e é o que eu chamo de "livro de fim de semana", pois lê-se facilmente em dois dias.
Fala da história de amor de dois jovens em cenário de guerra, sem recorrer a cenas de erotismo ou de cariz sexual, e sem adoptar "imagens" extremamente violentas ou sangrentas para descrever os cenários da Segunda Guerra Mundial.
Júlio Magalhães está de parabéns - publicou uma obra que é difícil não se gostar. Um belo escritor português... o que é nacional é bom!!!
Carlos e Nicole conheceram-se nas ruas de Paris. As tropas alemães avançavam em passo forte e determinado, mas todos acreditavam que a capital francesa estava a salvo da loucura de Adolf Hitler. Enganavam-se. Em poucas semanas, as tropas nazis estavam às portas de Paris e milhares de refugiados procuravam salvação.
Nicole encontrou-a em Bordéus pelas mãos do embaixador Aristides de Sousa Mendes que lhe entregou um visto para chegar até Portugal, onde finalmente cairia nos braços do seu amado. Longe da guerra, longe do perigo, longe do estigma de ser judia, seria finalmente feliz.
Mas há preconceitos que são difíceis de quebrar e mais uma vez os dois amantes são obrigados a seguir caminhos diferentes. Carlos fica em Lisboa, entre os negócios do pai, um homem influente na sociedade salazarista, e a doença da mãe. Nicole parte para Londres, uma cidade que vive dias dramáticos sob a ameaça de ser bombardeada pela aviação alemã. Participa no esforço de guerra da melhor forma que sabe, vestindo a farda de enfermeira, pondo em risco a sua vida para ajudar os outros, na esperança de conseguir esquecer Carlos. Contudo no meio dos escombros da Segunda Guerra Mundial há um amor capaz de resistir a tudo.
Notas sobre o autor:
Júlio Magalhães é jornalista e pivot da TVI. É autor de Os Retornados - Um Amor Nunca se Esquece, Um Amor em Tempos de Guerra e Longe do Meu Coração, três bestsellers com mais de 100 mil exemplares vendidos.
Nascido no Porto a 7 de Fevereiro de 1963, foi para Angola com sete meses, tendo vivido um ano em Luanda e doze em Sá da Bandeira (Lubango). Em 1975 regressou para Portugal, mais precisamente para a cidade do Porto.
Aos dezasseis anos, iniciou a sua carreira como colaborador de O Comércio do Porto na área do desporto. Dois anos mais tarde integrava os quadros do mesmo jornal. Trabalhou ainda no jornal Europeu, no semanário O Liberal, na Rádio Nova e, em 1990, estreou-se na RTP onde, para além de jornalista e repórter, apresentou o programa da manhã e o Jornal da Tarde. Foi director de informação da TVI.